CalendárioPortalInícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Kojima Ryu

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Kojima Ryu
Membro Novato
Membro Novato
avatar

Mensagens : 1

MensagemAssunto: Kojima Ryu   Dom 18 Maio - 21:14

Ficha + Personagem

 
Nome Completo: Kojima Ryu (Nome verdadeiro: Atrox Moloch)  

Idade: 250 anos (aparenta ter 30 anos) 
Data de Aniversário: 15/10 

Sexo: Masculino 

Ocupação: Faz uns bicos por aí.  
Avatar 1: Yamamoto (Nise no Chigiri)  
Avatar 2: 
Avatar 3: 

Youkai: Cerberus 
Aparência: Dono de um corpo alto, 184cm, e bem definido, este possui algumas marcas de seus treinos que são escondidas por, geralmente, algum kimono. Possui cabelos brancos e longos, com a frente repicada e usando uma trança na parte de trás, com as pontas dos repicamentos geralmente viradas para cima. Usa sempre um tapa olho, e está sempre com sua espada escondida, com sua bainha, por dentro de seus kimonos ou qualquer outra roupa que esteja a usar.  

Personalidade: Não é muito falador, tanto por gosto, quanto por oportunidade para falar. É um ótimo observador, mas não é lá o ser mais inteligente do mundo. Com o tempo que passou no mundo humano, já sabe de algumas coisas sobre essa raça tão misteriosa, mas vive a aprender com eles, podendo questionar coisas simples. Sua determinação para alcançar as coisas que deseja é invejável. É muito raro vê-lo sorrindo. Pode fazer um caos gigantescos para alcançar seus objetivos, mas não é uma pessoa ruim, apesar de muitas vezes parecer.  


Ficha + Habilidades

 
Força: 160  
Agilidade: 120 
Destreza: 100 
Inteligência: 80 
Vitalidade: 100 
Magia: 20 

Habilidades Especiais
 Habilidade Passiva: Dragon Breath
 Descrição: Todas as habilidades que causam algum tipo de status negativo em Ryu causa menos 20% de dano. Além disso, o ataque físico do Ryu aumenta em 5% em dias que está calor (23 Graus ou mais).  

Habilidade 1: Roar
 Descrição: Ryu se joga para o alto em uma velocidade impossível de ser vista por qualquer um. Ao cair no chão, na verdade o que se vê é uma ilusão, idêntica ao original, que pode andar, correr, pular e até fingir que está usando uma habilidade. A ilusão permanece viva por 2 turnos, mas pode ser quebrada quando acertada por uma habilidade. Enquanto ela está em campo, Ryu permanece longe da vista de todos, recuperando sua vida em 15% por turno que a ilusão estiver em campo.

 Habilidade 2: Last Resort
 Descrição: Durante três turnos, ou até cancelar a habilidade, Ryu anula sua defesa física e mágica, mas isso faz com que seu ataque físico aumente em 70%, e sua velocidade de movimento em 50%.

 Habilidade 3: Outrage
 Descrição: Ryu pula em seu oponente e o soca. Seu punho, completamente envolvido por chamas, causa 70 (+40% do ataque físico) no inimigo. Caso o inimigo esteja com mais vida que si mesmo, o inimigo fica atordoado por um turno, caso esteja com menos vida, causa lentidão de 50% por um turno.

 Habilidade 4: Inferno
 Descrição: Completamente infeliz, Ryu ruge para seus inimigos, soltando fogo pela boca com isso e queimando-os com essas labaredas tão fortes, causando 120(+80 do ataque físico) e causa o status sangramento dê 10% por 5 turnos.
 
Informações Extras:
- O cabelo de Ryu está sempre como descrito na aparencia, mas ele fica completamente liso e sem trança caso esteja lutando.
- Ryu continua apaixonado pela morena do livro.

 

Biografia


Todos conhecem as histórias dos cães do inferno, os cerberus. Não são as criaturas mais fortes de lá, mas são fortes o suficiente para proteger os portões do inferno com exímio nisso. O novo sucessor do título de guardião dos portões estava para ser declarado em algumas centenas de anos, e então, todas as famílias de cerberus do inferno passaram a treinar seus filhos rígidamente para alcançar esse título tão cobiçado. E isso não foi diferente com a família Atrox. Moloch, sendo o segundo filho dentre 5, já nasceu sendo colocado num campo de batalha. Treinos diários e cansativos eram aplicados a todos os irmãos. Alguns ficavam exaustos e queriam desistir, mas era óbvio que seu pai os puniriam por isso, então isso não aconteceu. Cada irmão desenvolveu uma habilidade melhor do que a dos outros, com Moloch foi a mesma coisa, sendo mais forte do que todos os outros irmãos. Seu pai não tinha um favorito, sendo assim todos sofriam igualmente com as torturas e os treinos pesados dele. O tempo foi se passando e Moloch percebeu que era aquilo o que queria. Ele queria ter um título, ele queria ser soberano no que podia ser, e se, quem sabe, pudesse “subir de cargo” após conquistar o título de guardião, ele faria ao máximo para conseguir. Suas habilidades aumentavam cada dia mais, e era visto como um exemplo pelos irmãos. Sempre antisocial, não conversava com absolutamente ninguém, nunca, somente treinava, treinava e treinava até seu corpo pedir por descanso urgentemente. Sempre o primeiro a se levantar e o ultimo a dormir, despertou o interesse em seu pai que começou a depositar as fichas nele o tempo todo. Seu pai dizia que via a vontade de ser o melhor que tinha na juventude em Moloch. Passou-se mais um bom tempo, até que uma bomba estourou em todo inferno: seu irmão caçula, Rufus, foi expulso do inferno, mandado para o mundo dos humanos. Apesar de, aparentemente, não ter ligação alguma com nenhum de seus irmãos, o coração do cão pediu para descobrir o porquê disso. Sabia que ele era o mais inteligente dos 5, então teria que se esforçar extremamente para descobrir algum vestígio do porque de sua expulsão. Durante meses, Moloch foi obrigado a conciliar os treinos com sua busca, o que estava preocupando seu pai. Finalmente, depois de muito se esforçar, encontrou o antigo esconderijo de Rufus e adentrou-o. Estava todo queimado, provavelmente pelo seu pai, mas ainda restava um livro. Pegou aquilo e o abriu. Aquilo era coisa humana, então o motivo foi óbvio. Antes que seu pai o encontrasse, levou esse livro até seus aposentos e tentou lê-lo, mas sem sucesso. Palavras humanas eram difíceis de serem lidas. Procurou, então, alguém que pudesse ensina-lo sobre isso, que fora um cerberus de outra família, que é a única pessoa que Moloch conversa em todo o inferno. Ele ensinou o que precisava a Moloch em alguns dias, que retornou para os seus aposentos para ler o tal livro, questionando se essa curiosidade e amor do irmão sobre o mundo humano fazia algum sentido. Moloch, então, se atrasou para o treino. Quando percebeu a hora saiu correndo, escondendo seu livro. Não fora torturado, mas fora obrigado a se treinar mais do que aguentava por conta disso. Em seu precioso descanso daquele dia tão cansativo, pegou seu livro para ler e, em dois dias, o terminou. Tal livro era um romance/drama. Moloch ficou tão encatado pela história que simplesmente se apaixonou pela protagonista livro. Seus treinos não eram mais tão eficáses, sua força não aumentava mais, os resultados não eram alcançados, tudo porque sua cabeça estava naquela mulher, fictícia, morena e bem baixinha, mas extremamente romântica e inteligente. Moloch precisava encontra-la de qualquer jeito, e suas vontades de ser superior sumiram. Um dia, caminhando aonde deveria ser sua nova casa, na mansão do guardião, Moloch pensou se realmente deveria ir em busca daquela menina. Moloch nunca desiste de suas vontades, e como mais nada o prendia naquele lugar, Moloch fugiu o mais rápido que conseguia, carregando o livro consigo. Agora, no mundo humano, procurou aquela cidade que estava no livro: Tokyo. Foi até lá e perguntara a qualquer um se conhecia a mulher do livro, mas ninguém a conhecia. Até, um dia, após dormir nas ruas, encontrou uma bibíoteca. Curioso, Moloch a adentrou e começou a ler outros livros, até que achou esse. Pensou, instantaneamente, que a bibliotecária deveria conhecer a mulher, já que tinha um livro igual ao seu ali. Perguntou a ela, que ficou com uma cara enorme de dúvida, até que o coração inocente de Moloch ouviu as palavras mais duras de sua vida: “Ela não existe. Isso é só um livro”. Estava acabado. Não poderia voltar ao inferno pois seu pai o mataria, não sabia o que fazer porque mal conhecia o mundo humano, a única coisa que pode fazer era se sentar em um beco e esperar a morte. Não tinha mais motivos para viver. Certo dia, um senhor alto e bem musculoso apareceu em seu beco. 

- Moloch, ou melhor, Kojima Ryu, você está pronto para encontrar seu novo caminho? Aonde pessoas como você, especiais, vão? 

Moloch, sem hesitar, fora segura esse homem que, simplesmente, o levou para uma cidade pequena, com uma escola gigantesca. Esse homem o deu um documento, um lugar para viver, um trabalho e uma vida. Moloch, agora chamado de Ryu, foi levado para a Cidade de Monstros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Kojima Ryu
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Youkai Gakuen :: Início :: Fichas de Personagens-
Ir para: